Tags: Negócio |

Volatilidade do PSI-20 desce em agosto


No mês de verão por excelência, o principal índice português esteve em linha com o período estival: a volatilidade do PSI-20 fixou-se nos 10,4%, abaixo dos 15,76% atingidos em julho, e dos 33,79% de igual período de 2015. Recorde-se que a volatilidade do índice, nos últimos sete meses de 2016 foi de 24,5%, um valor mais alto do que os 22,39% registados no mesmo período de 2015.

Em agosto de 2016, contudo, o PSI-20 encerrou nos 4.711,91 pontos, menos 0,8% do que em julho, e menos 10,4% do que no período homólogo de 2015.

No que toca às transações e capitalização bolsista, nomeadamente ao nível das unidades de participação, verifica-se praticamente uma manutenção dos mesmos valores de julho: 3,2 milhões de euros transacionados, a este nível. Quando a comparação se faz em termos anuais, verifica-se, no entanto, que este tem sido um investimento em queda, com uma variação homóloga de -73,8%. 

Decréscimo em toda a linha

Em termos acumulados, de janeiro a agosto de 2016, a negociação de unidades de participação soma 45,2 milhões de euros, quase metade do valor alcançado em igual período de 2015. Também na mó de baixo, em termos acumulados, continua a negociação de ETFs: nos primeiros oito meses do ano contabilizam-se 2,3 milhões de euros negociados a este nível, menos 97,6% do que no período homólogo do ano passado.

Notícias relacionadas