Tags: Gestores |

Vencedores dos prémios APFIPP 2019: o melhor fundo de ações nacionais


A Associação Portuguesa de Fundos de Investimento, Pensões e Patrimónios voltou, na semana passada, a realizar a cerimónia de entrega dos “Prémios Melhores Fundos Jornal de Negócios/APFIPP” na qual se voltaram a destacar alguns dos produtos de investimento nacionais. Nas próximas semanas procuraremos analisar os fundos premiados, começando pelo vencedor do prémio de “Melhor Fundo de Ações Nacionais”.

O grande vencedor desta categoria foi Santander Acções Portugal, um fundo criado em 1993 sob a alçada da Santander Asset Management e que está desde 2016 a cargo da espanhola Lola Solana. Este produto apresenta-se como um fundo de investimento para investidores com um perfil de risco agressivo, que tenham como objetivo investir em ações portuguesas denominadas em euros e que procurem um potencial de remuneração elevado do seu investimento numa ótica de médio/longo prazo. Este produto fundo conta com selo Funds People pela sua classificação Blockbuster.

A evolução dos índices acionistas europeus, entre os quais o índice português, é um dos principais motivos para a performance positiva do fundo, recentemente, segundo comenta a gestora do fundo. Desde o início do ano que o fundo tem conseguido alcançar ganhos de dois dígitos e corrigir as perdas registadas no ano passado. Entre as principais posições da carteira estão o BCP, a The Navigator, Sonae e a Jerónimo Martins. A EDP Renováveis é a mais recente aposta recente do fundo.

Profissionais
Empresas

Notícias relacionadas

O Mais Lido

Próximos eventos