Tags: Negócio |

Valorização dos ativos em carteira compensou saldo negativo de subscrições em abril


A Associação Portuguesa de Fundos de Investimento, Pensões e Patrimónios lançou o relatório estatístico mensal relativamente aos Fundos de Investimento Mobiliários do quatro mês do ano. Neste, é possível observar que o valor dos ativos sob gestão dos F.I.M. aumentou cerca de 83 milhões de euros em relação ao mês de março, passando assim de 12.344,1 milhões de euros para 12.427,00 milhões de euros, o que reflete um crescimento de 0,7% no mês de abril.

Relativamente às subscrições das estratégias de investimento nacionais, verificou-se um volume de 235,1 milhões de euros enquanto o valor dos resgaste foi de 241,4 milhões de euros, resultando num saldo negativo no valor de 6,3 milhões de euros.

A leitura que podemos fazer no mês de abril é que a valorização dos ativos em carteira mais que compensou o pequeno saldo negativo de subscrições.​

Nos últimos doze meses, o crescimento em ativos foi de 7,6%, sendo que as subscrições líquidas chegaram aos 772,5 milhões de euros.

Captura_de_ecra__2018-06-01__a_s_12

Fonte: APFIPP

Notícias relacionadas