Valor sob gestão dos fundos imobiliários aumenta em Abril


O valor sob gestão dos fundos imobiliários harmonizados, especiais e de gestão de património ascendeu a 12,15 mil milhões de euros no final de Abril, o que representa um aumento de 33,8 milhões de euros face a Março, de acordo com os indicadores mensais divulgados pela CMVM.

Nos fundos de investimento imobiliário (FII), o montante aumentou 0,2% para 8.657,1 milhões de euros, nos fundos especiais de investimento imobiliário (FEII) cresceu 0,9% para 2,76 mil milhões de euros, enquanto nos fundos de gestão de património imobiliário (Fungepi) o volume gerido teve um decréscimo mensal de 0,7% para 734,7 milhões de euros.

O principal alvo do investimento dos fundos harmonizados e dos especiais foram os imóveis destinados ao sector dos serviços, com um peso de 45,6% nas carteiras, no final de Abril, constituindo os imóveis do comércio a maioria dos detidos pelos fundos de gestão de património (34,3% do total), segundo os indicadores mensais da indústria.

A quase totalidade dos activos imobiliários em que os fundos investem, 99,8%, está situada em países da União Europeia.

Por sociedades gestoras, a Fundger lidera com uma quota de mercado de 13%, seguida da Interfundos (10,9%) – que passou a gerir no mês passado o FIIF Imoprodução–Portuguese Real Estate Development Fund, transferido da Millennium BCP Gestão de Activos –, e da ESAF, com uma quota de 8,4%, de acordo com o mesmo documento, divulgado pela CMVM.

Empresas

Notícias relacionadas

Anterior 1 2 Siguiente