Tags: Negócio |

Valor sob gestão dos fundos de investimento imobiliário diminui


O mais recente relatório dos Indicadores de Síntese dos Fundos de Investimento Imobiliário, FEII e FUNGEPI, publicado pela CMVM, destaca que o valor sob gestão diminuiu no passado mês de abril. Segundo a publicação, registou-se uma queda de 0,61% face a março, tendo o valor sob gestão dos fundos de investimento imobiliário (FII), dos fundos especiais de investimento imobiliário (FEII) e dos fundos de gestão de património imobiliário (FUNGEPI) atingido os 10.592,9 milhões de euros.

Relativamente ao montante investido, a entidade revela que se registou uma queda nos três segmentos: “0,6% nos fundos de investimento imobiliário e nos FEII para, respetivamente, 7.648,1 milhões de euros e 2.439,0 milhões, e 0,2% nos FUNGEPI para 505,8 milhões”.

Investimento em imóveis do sector serviços representa quase 50% do total

No que diz respeito aos sectores de investimento, o sector serviços é o que apresenta maior preponderância, uma vez que, em abril, “47,1% da carteira dos FII e FEII abertos foram aplicados em imóveis do sector dos serviços”, pode ler-se na publicação. Por outro lado, os países da União Europeia continuam a representar a totalidade do investimento.

Por fim, o top de entidades com maior quota de mercado não se alterou, mantendo-se a Interfundos em primeiro lugar, com 13%; o segundo lugar é ocupado pela Norfin, com 12,8%; e, em terceiro lugar, a Fundger, com 9,5%.

Notícias relacionadas

O Mais Lido