Valor sob gestão dos FIM no nível mais elevado em quase dois anos


O valor dos activos geridos pelos fundos de investimento mobiliário (FIM) atingiu 13.102,0 milhões de euros em Fevereiro, uma subida de 2,3% face ao mês anterior, de acordo com os dados mensais divulgados pela APFIPP, e corresponde ao montante mais elevado em quase dois anos.

Para encontrar um valor acima de 13 mil milhões de euros é necessário recuar até Maio de 2011, quando o os activos geridos pelos FIM totalizavam 13,55 mil milhões de euros. Desde então, os fundos tiveram, na maioria dos meses, montantes acumulados sob gestão na casa dos 11 mil milhões de euros.

A contribuir para o desempenho verificado no mês passado está sobretudo o crescimento do montante sob gestão na categoria de fundos especiais de investimento (FEI) monetário curto prazo, que foi a que mais cresceu face a Janeiro em valores absolutos (202,8 milhões de euros), seguindo-se as categorias de fundos de tesouraria euro (81,9 milhões de euros), fundos de mercado monetário euro (38,5 milhões) e outros FEI (33,9 milhões).

Por sociedades gestoras, a quer teve um maior aumento no valor gerido, face a Janeiro, em termos absolutos, foi a ESAF, com mais 123,5 milhões de euros.

De referir que, no final do primeiro mês do ano, o volume total de activos sob gestão dos fundos de investimento mobiliário portugueses era de 12.808,3 milhões de euros.

Empresas