Tags: Gestores | Negócio |

Valor do património dos fundos de investimento imobiliário sobe 0,8% em setembro


Setembro foi um mês de crescimento para os fundos de investimento imobiliário. Apesar de o número de fundos em atividade se ter mantido igual ao do mês passado (198), sem novos fundos ou liquidações a ocorrerem durante este período, registou-se um aumento de 0,8% do valor do património imobiliário detido por estes fundos. Este aumento traduziu-se em 10 094,6 milhões de euros de AuM, segundo o relatório mensal divulgado pela Associação Portuguesa de Fundos de Investimento, Pensões e Património (APFIPP).

Apesar deste aumento agora registado, é importante relembrar que, desde o início do ano, o património imobiliário gerido pelos F.I.I. diminuiu 0,8%, enquanto que, desde setembro de 2016, decresceu 3,5%, tal como o número de fundos, que passou de 206 para 198. Por outro lado, o volume gerido apresenta uma taxa de crescimento de 3,1% desde o início do ano, acompanhando a evolução que se tem verificado noutros segmentos da gestão de ativos

f

Fonte: APFIPP, setembro 2017.

Os fundos fechados continuam a ser a categoria com maior volume de ativos sob gestão, com 5. 091,9 milhões de euros, enquanto os fundos abertos de acumulação apresentavam em setembro 1.672,0 milhões de euros. Os fundos abertos de rendimento, por sua vez, chegavam aos 1.663,1 milhões de euros, tendo sido esta categoria de fundos aquela que registou maior crescimento em valores absolutos (18,6 milhões de euros) e em termos percentuais (1,1%).

f

Os fundos abertos que registaram as maiores rendibilidades, nos últimos 12 meses, foram o fundo Fundimo (4,34%), o fundo Imonegócios (4,01%) e o fundo AF Portfólio Imobiliário (3,96%), geridos, respetivamente, pela Fundger, pela Imofundos e pela Interfundos. Quanto aos fundos fechados, os que apresentam as maiores rendibilidades, nos últimos 12 meses, foram o TDF (13,14%), Lusimovest (4,67%) e Fundiestamo I (4,53%), geridos, respetivamente, pela TDF, pela Santander Asset Management e pela Fundiestamo.

Empresas

Notícias relacionadas