Tags: Obrigações | Ações |

Valor aplicado pelos FIM em dívida pública aumenta em Outubro


O valor aplicado pelos fundos de investimento mobiliário (FIM) em dívida pública aumentou em Outubro, face ao mês anterior, de acordo com o relatório divulgado pela CMVM.

No caso da dívida pública nacional, o crescimento comparativamente a Setembro foi de 9,8% para 316,1 milhões de euros, tendo, no caso da dívida soberana estrangeira, o aumento mensal sido de 1,5% para 585,1 milhões de euros.

Quanto às obrigações houve um decréscimo tanto no valor das aplicações feitas nas de emitentes domésticos como internacionais. O relatório de Outubro da CMVM mostra que, no mês passado, o montante aplicado nas de emitentes nacionais caiu 3,7% para 840,2 milhões de euros, enquanto nas de emitentes estrangeiros a descida foi de 0,6% para 4.088,7 milhões de euros; este continua a ser o activo mais representativo nas carteiras dos fundos de investimento mobiliário, com um peso de 35,7% do total.

Relativamente a outros activos, o valor aplicado em UP aumentou em Outubro, em 1,7% para 505 milhões de euros nas nacionais e em 2,3% para 1.161,4 milhões nas estrangeiros; nas acções, o montante investido nas de emitentes domésticos teve um crescimento mensal de 6,5% para 322 milhões de euros, enquanto nas acções de emitentes estrangeiros o aumento face a Setembro foi de 1,3% para 1.035,1 milhões de euros, de acordo com o relatório divulgado pela CMVM.