Uma década em análise: fundos de ações EUA dão nas vistas


Há 10 anos atrás, mais concretamente a 15 de setembro de 2008, o mundo “acordava” para uma crise financeira que teve início nos Estados Unidos em 2007, com o emergir da crise do subprime. A 15 de setembro de 2008, a falência do banco Lehman Brothers colocou na boca do mundo a crise financeira que viria a ser a maior desde a grande depressão de 1929.

A lista de fundos nacionais com melhores retornos entre setembro de 2008 e setembro de 2018 mostra três fundos de ações América no top 4 das melhores rentabilidades. Este cálculo de rentabilidades acaba por não incluir parte do bear market de 2008, o que é bastante visível no facto do Caixagest Ações EUA – líder nesta análise - exibir quase 12% de retorno no final de setembro, ao invés dos mais de 10% alcançados nos últimos 10 anos, com dados de agosto. 

Ações EUA impulsonam resultados 

O fundo Caixagest Ações EUA é, portanto, o produto mais rentável no período, alcançando 11,93% de retorno anualizado, resultado esse que foi acompanhando por um desvio padrão de 13,78% no mesmo período (o segundo maior da lista). Atualmente, o fundo gerido pela Caixagest apresenta nas suas maiores posições investimentos na Boeing, na UnitedHealthGroup ou no Goldman Sachs Group.

O Invest AR PPR (fundo com selo Consistente Funds People) é, claramente, a exceção à regra no universo de investimento dos quatro fundos nacionais mais rentáveis nos últimos 10 anos. Contrariamente aos antecessores e sucessores, o fundo gerido pela Invest Gestão de Activos é composto por mais de 50% em obrigações de estados membros da União Europeia emitidas a mais de um ano. Às ações ficam reservados até 30% do portefólio. Para os 9,87% de retorno alcançados no período, o fundo alcançou 10,98% de desvio padrão, o que acaba por ser um nível de risco “simpático” quando comparado com outros peers.

O IMGA Acções América e o Santander Acções América dão o mote para que o "quarteto" de melhores rentabilidades nos últimos 10 anos fique completo. Apresentam 9,64% e 9,51 de retorno anualizado, respetivamente.

Fundos mais rentáveis nos últimos 10 anos 

Captura_de_ecra__2018-10-12__a_s_17

Fonte: Morningstar Direct, 30 de setembro
Empresas

Notícias relacionadas

O Mais Lido