Tags: Gestores | ETF | Europa | EUA |

Três perguntas para saber se precisa de um investimento value


Tem medo de perder dinheiro? Está à procura de dividendos? O seu horizonte temporal pode ser inferior a dez anos? Se a resposta a estas perguntas for sim, provavelmente o investimento em valor é adequado para si. “O investimento em valor funciona melhor para os investidores que podem precisar do seu capital investido rápido, querem um fluxo de dividendos e são relutantes em relação ao risco”, explica um artigo publicado pelo inbestMe. Curiosamente, é um robo-advisor espanhol – as carteiras de inbestMe são investidas através de ETF, e no seu pacote Advanced existe a possibilidade de escolher a modalidade do estilo de investimento - que tenta elucidar esta temática de investimento tão na moda na atualidade.

Segundo a empresa, o investimento em valor é apelativo por várias razões: pela sua facilidade de compreensão – “trata de encontrar pechinchas” – ou pela aversão ao risco que alguns investidores demonstram. “O investimento em valor tende a atrair reformados ou pessoas que se aproximam da reforma” graças ao colchão de segurança com que os ativos escolhidos contam. “Os investidores em valor também se conformam em deixar passar oportunidades de alto crescimento”. Um exemplo disso são ações como as da Google ou da Amazon, que tiveram um comportamento excecional nos últimos anos, mas “as suas altas valorizações significam para um investidor em valor, pelo menos em teoria, que são mais vulneráveis às quedas das suas ações devido a um fraco relatório contas ou por causa de uma queda do mercado”.

E o que diz o guru do value Warren Buffett em relação a isto? “Até o próprio Buffett aprendeu que pode ser um grande erro não considerar empresas como a Amazon ou a Google. Talvez seja por isso que decidiu investir em Apple”, da qual tem 75 milhões de ações. Para além disso, é famosa a sua frase de que “comprar um fundo indexado de baixo custo é o que faz mais sentido praticamente sempre”.

Na atualidade, “a valorização do mercado no seu total disparou e isto não é bom para quem procura pechinchas”, afirmam os especialistas do inbestMe, que preveem que, à medida que as taxas de juro aumentem, é provável que as valorizações das ações se moderem, o que irá gerar mais oportunidades para os investidores de valor. Não obstante, em função de se o investidor em questão tem um horizonte de muito longo prazo, menor aversão ao risco ou não precisa de dividendos, combinar os vários estilos de investimento pode ser uma boa opção, uma vez que tanto através da gestão ativa como passiva é possível.

Profissionais

Notícias relacionadas

Anterior 1 2 Siguiente

Próximos eventos