Três áreas que centram as nomeações das gestoras em janeiro


As gestoras internacionais começam o ano em força. Após 2018, as entidades gestoras estrangeiras reforçaram áreas chaves para o seu negócio. Revemos as três equipas que aumentaram durante o mês de janeiro.

1. Mercados emergentes com filosofia sustentável

A Vontobel Asset Management anunciou a contratação de Carl Vermassen, que se une com o intuito de gerir com Thierry Larose o Sustainable Emerging Market Local Currency Bond Fund. Vermassen chega da Degroof Petercam Asset Management em Bruxelas, onde foi gestor do fundo Emerging Market Sustainable Bonds Fund, veículo com rating de 5 estrelas Morningstar e que já geria com Thierry Larose na altura.

Com isto, a Vontobel reuniu de novo o duo consolidado por Vermassen e Larose sob a mesma empresa. Larose foi o responsável principal do primeiro fundo de dívida emergente sustentável, lançado em 2013.

2. Multiativos

A Jupiter Asset Management continua a compor a equipa de Talib Sheikh, responsável de estratégia da área de multiativos e ex-JP Morgan AM. A gestora contratou Mark Richards, também ex-JP Morgan AM, como estratega da equipa de Sheikh. Irá trabalhar com um enfoque especial na estratégia Jupiter Flexible Income Fund, lançada em setembro de 2018. Richards focar-se-á na identificação das tendências chave do mercado e na determinação da melhor forma de as refletir nas carteiras multiativos, segundo conta a empresa no comunicado.

Além da nomeação de Richards, a Jupiter comunicou a promoção de Joseph Chapman que passa a ser gestor ajudante dentro da equipa de multiativos. Chapman juntou-se à equipa da Jupiter em 2010 e foi anteriormente analista quantitativo de obrigações convertíveis globais e de estratégias multiativas.

3. Ações norte-americanas

A Schroders comunicou que Bob Kaynor, cogestor de carteiras de ações norte-americanas de pequena e média capitalização, será nomeado responsável de ações norte-americanas de pequena e média capitalização. O movimento acontece depois de Jenny Jones, gestora e responsável da área, ter decidido sair da empresa após mais de 16 anos.

Empresas

Notícias relacionadas

Anterior 1 2 Siguiente

O Mais Lido