Tags: Negócio |

Top 7: As gestoras que mais captaram em abril


O volume sob gestão dos fundos mobiliários voltou a crescer em abril. “Em 30 de abril de 2017, o valor dos ativos geridos pelos F.I.M. ascendeu a 11.551,9 milhões de euros, o que se traduziu num aumento de 0,2% face ao mês anterior”, revela o mais recente relatório da Associação Portuguesa de Fundos de Investimento, Pensões e Patrimónios (APFIPP). 

Captações: BPI Gestão de Activos segue na frente

Das entidades que compõem o mapa do segmento mobiliário nacional, foi a BPI Gestão de Activos quem registou o maior saldo entre subscrições e resgates, com 22 milhões de euros. A sociedade gestora, que tem o maior volume de ativos sob gestão (3.521,7 milhões de euros), teve um volume de subscrições líquidas positivas de 437,2 milhões de euros desde o início do ano, o maior de todas as entidades. Foi também a gestora que mais cresceu em valores absolutos no último mês, com 30,2 milhões de euros (0,9%) e desde o início do ano, com 467,7 milhões de euros (15,3%).

No segundo lugar do pódio ficou a Santander Asset Management, com 15,6 milhões de euros de captações. A gestora, que cresceu 7,8% desde o início do ano e 1,5% em só em abril, foi também a entidade número dois no que diz respeito ao maior volume de subscrições líquidas positivas, totalizando 93,5 milhões de euros. 

A fechar o top 3 ficou a Crédito Agrícola Gest, com 5,6 milhões de euros de subscrições líquidas em abril e 0,2 milhões desde o início do ano. A entidade geria no último mês cerca de 40,9 milhões de euros. 

Confira na tabela abaixo as sete entidades que obtiveram mais captações líquidas no último mês. Captura_de_ecr__2017-05-26___s_10

Fonte: APFIPP, 30 de abril
Empresas

Notícias relacionadas