Tecnologia e Saúde em evidência nos sectoriais


A Funds People tem vindo a analisar o Sharpe Ratio a um e três anos nos diversos fundos de ações geridos por entidades nacionais e comercializados em Portugal. Após verificarmos a consistência dos que investem no velho continente, olhamos para a uma gama de produto conhecida pelas sua especialização em determinadas temáticas/sectores.

No nosso país, apenas três entidades apresentam produtos deste género, sendo a Montepio Gestão de Activos aquela que maior gama e diversidade de temáticas disponibiliza.

Os vencedores variam consoante o período analisado e se, na análise do Sharpe Ratio a um ano, o sector da tecnologia lidera com o Montepio Euro Telcos a apresentar um resultado de 2,388, a três anos o destaque vai para o fundo gerido pela mesma entidade mas que investe no sector da sáude. O Montepio Euro Healthcare alcança um rácio de Sharpe de 0,865 no triénio.

Em segundo lugar as "disputas" mantêm-se, uma vez que a um ano fica o sector das utilities, com o produto Montepio Euro Utilities, e a três anos sobressai o sector financeiro na figura do fundo da Millennium Gestão de Activos -  Millennium Eurofinanceiras.

O sector mais penalizado, em ambos os períodos, é o da energia, muito embora nos últimos doze meses já se verifique uma recuperação, com os fundos da Caixagest e do Montepio a conseguirem resultados positivos (Caixagest Energias Renováveis, 0,309 e o Montepio Euro Energy, 1,598). 

 

(Fonte: Elaboração própria. Análise Funds People a partir de dados cedidos pela Morningstar no final de abril)
Empresas

Notícias relacionadas

Anterior 1 2 Siguiente