Tags: Negócio |

SharingAlpha e a sua estratégia para medir a qualidade de um fundo de investimento


A SharingAlpha é uma empresa israelita que se propõe a aplicar ao mundo dos fundos de investimento uma metodologia de análise muito longe dos tradicionais modelos baseados na rentabilidade histórica. O seu objetivo é centrar-se nos factores qualitativos, que – segundo revelam alguns estudos – são os que permitem gerar rentabilidades consistentes no longo prazo. A estratégia da empresa baseia-se em classificar os fundos de investimento a partir das valorizações qualitativas proporcionadas pelos assessores e selecionadores de fundos a nível global. Esta metodologia permite contrastar as opinião dos selecionadores com a evolução real dos fundos e estabelecer um ranking não só com os produtos mais valorizados, mas também com os melhores selecionadores de fundos.

Nos últimos meses, a SharingAlpha tem crescido no que respeita o número de assessores e analistas de fundos que foram aderindo ao projeto e emitindo as suas valorizações sobre os distintos produtos na sua plataforma. “Atualmente já contamos com 400 analistas de fundos de 32 países distintos, o que significa que a SharingAlpha se converteu na maior agência de classificação de fundos do mundo por número de assessores e analistas de fundos, que contribuem com os seus ratings”, assegura à Funds People, Oren Kaplan (na foto), cofundador da empresa. A ferramenta criada pela SharingAlpha é gratuita e cobre já 100.000 fundos domiciliados em 110 países.

Notícias relacionadas