Semana de resultados marcada por dados de inflação, confiança e desemprego


Esta semana começa com a divulgação do índice de preços do consumidor na Alemanha (Outubro) e dos gastos e rendimentos dos consumidores nos Estados Unidos (Outubro), e a apresentação dos resultados trimestrais de Galp Energia. Os líderes espanhol, Mariano Rajoy, e italiano, Mario Monti, tem agendada uma conferência de imprensa conjunta em Madrid.

Na terça-feira, na maior economia europeia, são conhecidos números do emprego (Outubro) e das vendas a retalho (Setembro), enquanto na Zona Euro sãod divulgados os indicadores de clima económico e de confiança dos consumidores e dos empresários, relativos a Outubro.
Também nos EUA é conhecido o indicador de confiança. Em Portugal, o INE divulga dos inquéritos de conjuntura às empresas e aos consumidores, relativos a Outubro, assim como o índice de produção industrial, em Setembro, e em Espanha é conhecido o PIB do terceiro trimestre. Apresentam resultados empresas como UBS, Banesto, Bayer, Eni, BP e Ford Motor.
 
A meio da semana, na Zona Euro, são publicadas a estimativa de infçaão (Outubro) e a taxa de desemprego; nos Estados Unidos saem os dados da actividade industrial de Chicago (Outubro), reservas de petróleo na semana terminada a 26 de Outubro. O Banco de Portugal publica o inquérito aos bancos sobre o mercado de crédito, relativo a Outubro.Publicam contas trimestrais cotadas como Arcelor Mittal, Air France-KLM, Deustche Lufthansa, Barclays, Total, BBVA, Mastercard e Visa. 
 
Na quinta-feira, primeiro dia de Novembro, o dia é sobretudo preenchido por dados macro nos Estados Unidos, concretamente, os pedidos de subsídio de desemprego (na semana terminada a 27 de Outubro), o índice industrial ISM (Outubro) e gastos na construção (Setembro), e por resultados de empresas como a Royal Dutch Shell, Exxon Mobil e Starbucks, entre outras.
 
A semana termina com a divulgação do índice industrial PMI (Outubro), na Zona Euro, assim como com os dados de emprego e taxa de desemprego nos Estados Unidos, ambos referentes a Outubro, e das encomendas à indústria, em Setembro. Alcatel-Lucent e Chevron são as empresas que divulgam contas trimestrais.
 
Quanto aos leilões de dívida estão agendados para o primeiro dia da semana três, todos de bilhetes do Tesouro, de Itália, Alemanha e França, países que regressam ao mercado nos dias seguintes.
 
A Itália volta a emitir dívida na terça, a Alemanha na quarta e França tem um leilão agendado para quinta-feira.

O Mais Lido