Tags: Gestores |

Santander e Caixagest em duelo de titãs pela maior quota de mercado de allocation


No mercado português de fundos de investimento a categoria de allocation  conta com uma oferta de 60 produtos de 12 entidades gestoras nacionais. No encerramento dos primeiros seis meses do ano, o montante de ativos sob gestão deste segmento ultrapassava os cinco mil milhões de euros.

Analisando a quota de mercado por entidade, a luta pelo primeiro lugar levou a um duelo de titãs entre a Santander Asset Management e a Caixagest da qual a Santander saiu vencedora. Os  1,3 mil milhões de euros em ativos sob gestão, que representam uma quota de mercado de 25,78%, valeram à entidade o lugar cimeiro da tabela. Já os 25,26% de quota de mercado que a Caixagest alcançou concederam-lhe um honroso segundo lugar.

Entre o terceiro e o quarto lugares a luta também foi bastante renhida, ainda assim, foi a BPI Gestão de Ativos que conseguiu conquistar o último lugar do pódio. A entidade fechou o semestre com mais de 1,1 mil milhões em ativos sob gestão no segmento de allocation, valor que se traduz numa quota de mercado de 20,92%. Apesar da elevada quota de mercado (19,91%), a IMGA acabou por "morrer na praia" e não conseguiu alcançar um lugar no top 3.

ENTIDADE GESTORA ATIVOS SOB GESTÃO QUOTA DE MERCADO
Santander Asset Management 1 357 700 368 € 25,78%
Caixagest 1 330 500 659 € 25,26%
BPI Gestão de Activos 1 101 976 250 € 20,92%
IMGA 1 048 607 973 € 19,91%
Optimize Investment Partners 104 118 489 € 1,98%
Popular Gestão de Activos 89 615 597 € 1,70%
Bankinter Gestão de Ativos 80 607 637 € 1,53%
GNB Gestão de Ativos 75 486 643 € 1,43%
Invest Gestão de Activos 54 889 200 € 1,04%
Montepio Gestão de Activos 19 633 765 € 0,37%
Dunas Capital Gestão de Activos 4 217 220 € 0,08%
Lynx Asset Managers 1 999 844 € 0,04%
Total 5 267 353 801 € 100%

Fontes: Morningstar Direct, 30 de junho de 2019; CMVM, 30 de junho de 2019

Empresas

Notícias relacionadas