Tags: Gestores |

Romain Boscher substitui Dominic Rossi como diretor global de investimentos em ações da Fidelity


A Fidelity continua a anunciar alterações relevantes dentro da sua estrutura. Neste caso, trata-se de uma alteração que já tinha sido anunciada: Dominic Rossi, que foi diretor global de investimentos em ações, já tinha comunicado que apresentaria a demissão no início de 2018, para poder focar-se no impacto da regulação no negócio da gestão de ativos. Portanto, a empresa acaba de anunciar a identidade do seu substituto: Romain Boscher.

Boscher, com mais de 25 anos de experiência no negócio, trabalhou na Amundi, onde exerceu funções como responsável de ações durante os últimos sete anos. Previamente, tinha trabalhado como CEO adjunto e diretor de investimentos da Groupama AM. O especialista irá integrar a Fidelity no próximo dia 30 de abril e irá desenvolver as suas responsabilidades a partir da sede londrina da empresa.

Boscher terá a obrigação de reportar a Bart Grenier, recém-nomeado como responsável global de gestão de ativos; também será membro do Comité Global Operativo da Fidelity. A partir da empresa, esclareceram que os restantes postos dentro da equipa de ações permanecem intactos: Paras Anand continuará a exercer como diretor de investimento de ações na Europa, enquanto Takashi Maruyama e Tim Orchard continuam responsáveis pelas regiões do Japão e Ásia Pacífico sem Japão. Todos eles devem reportar agora a Romain Boscher, incluindo também Henk-Jan Rikkerink, responsável de análise em ações globais.

Profissionais
Empresas

Notícias relacionadas