Tags: Obrigações | Ações | Europa | EUA |

Reunião do BCE e dados do PIB marcam semana


 

A semana começa com a divulgação do índice PMI para a indústria, referente a Maio, para Alemanha, França, Reino Unido e Zona Euro, enquanto nos Estados Unidos é divulgado o congénere índice ISM, também relativo a Maio. Para o dia seguinte está agendada a divulgação do índice de preços na produção na Zona Euro, em Abril.

A meio da semana é a vez de serem divulgados o índice PMI dos serviços em França, Alemanha, Reino Unido e Zona Euro (Maio), sem que na região da moeda única é também publicado o ISM compósito, também relativo ao mês passado.

Destaque para a divulgação do Produto Interno Bruto (PIB) na Zona Euro, no primeiro trimestre, e para as vendas a retalho também na região, em Abril. Nos Estados Unidos são conhecidos dados do mercado laboral referentes ao primeiro trimestre, as reservas de crude (na semana terminada a 31 de Maio) e a Reserva Federal pulica o livro bege.

Na quinta-feira é dia de reuniões de bancos centrais, com o anúncio de decisão sobre taxas de juro pelo Banco de Inglaterra e pelo Banco Central Europeu, com os economistas consultados pela Bloomberg a estimarem uma manutenção das taxas em 0,50%, em ambos os casos. Nos Estados Unidos são divulgados os novos pedidos de subsídio de desemprego, na semana terminada a 1 de Junho.

Na sexta-feira, o Japão apresenta os indicadores avançados, em Abril, enquanto na Alemanha são conhecidas a evolução da balança comercial e da produção industrial, também em Abril. Os Estados Unidos divulgam a taxa de desemprego, em Maio, sendo esperada uma manutenção em 7,5%.

Quanto a leilões de dívida pública, a semana começa com três de França, logo na segunda-feira, estando agendada a ida da Alemanha ao mercado na quarta-feira. Na quinta há uma emissão de Espanha e mais três leilões de França.

O Mais Lido