Tags: Obrigações | Ações | Europa | EUA |

Resultados de empresas europeias dominam semana


Os índices PMI nos serviços, na Alemanha e na Zona Euro, e compósito, na região a moeda única, relativos a Abril, são os primeiros dados a serem divulgados esta semana, num dia que na Zona Euro são pulicadas ainda as vendas a retalho (Março) e em Portugal, o BCP apresenta contas do primeiro trimestre do ano.

Para terça está agendada a publicação da produção industrial, em França (Março) e os resultados de cotadas como o Credit Agricole, Commerzbank, Société Générale, BES, Altri e Walt Disney.

A meio da semana é conhecida a balança comercial da China (Abril), a produção industrial na Alemanha (Março) e as reservas de crude nos Estados Unidos, na semana terminada a 3 de Maio. Entre as cotadas que apresentam contas trimestrais estão ING, Deustche Telekom, Telefónica, EDP Renováveis, Nokia e Unilever.

Para quinta-feira está agendada a divulgação do índice de preços no consumidor na China (Abril), os indicadores avançados no Japão (Março), a produção industrial no Reino Unido (Março), os novos pedidos de subsídio de desemprego nos Estados Unidos (na semana terminada a 4 de Maio). O BCE publica o relatório mensal e o Banco de Inglaterra anuncia a taxa de juro, sendo esperada pelos economistas consultados pela Bloomberg a manutenção em 0,50%. Apresentam resultados empresas como Repsol, Sonae, EDP, Sonae Indústria, Novabase e Zon. O Banco de Portugal publica o relatório de supervisão comportamental, de 2012.

No último dia da semana referência para o início da reunião de dois dias dos ministros das Finanças dos países do G7, em Londres. É ainda esperada a divulgação da balança comercial na Alemanha (Março) e os resultados de ArcelorMittal, Unicredit, Cofina e Semapa.

Quanto a leilões de dívida pública há um de França na segunda-feira, e, na terça-feira, de Alemanha, que volta a ir ao mercado na quarta-feira, dia em que a Grécia também emite dívida. Para quinta está agendado um leilão de Espanha e para sexta um de Itália.