Tags: Negócio |

Imobiliários: Fundos Abertos de Rendimento alcançam 4,35% de rentabilidade média


A APFIPP - Associação Portuguesa de Fundos de Investimento, Pensões e Patrimónios – revelou no seu relatório referente ao mês de fevereiro os três fundos imobiliários com melhores rentabilidades em cada categoria com mais de cinco fundos.

A categorias abrangidas foram: Fundos Abertos de Acumulação, Fundos Abertos de Rendimento, F.I.I.A.H.'s, Fundos Fechados de Desenvolvimento e Fundos Fechados de Arrendamento.

Segundo a APFIPP, no último ano, terminado em fevereiro de 2019, na categoria de Fundos Abertos de Acumulação foi o fundo Imonegócios, a cargo da Imofundos, que se distinguiu. Este produto obteve uma rentabilidade anualizada de 6,88%. Já no caso dos Fundos Abertos de Rendimento foi o Imopoupança, gerido pela Fundiestamo, que conseguiu destacar-se com uma rentabilidade de 7,10%. Na categoria de F.I.I.A.H.'s a maior rentabilidade pertenceu ao Montepio Arrendamento da Montepio Valor que alcançou 1,30%. No que diz respeito aos Fundos Fechados de Desenvolvimento foi o produto da Fundger, o Imomar, que com uma rentabilidade de 68,17% obteve o primeiro lugar da lista. Por fim, o fundo com maior rentabilidade na categoria de Fundos Fechados de Arrendamento foi o Imocott, também da Interfundos

Nas tabelas seguintes podem observar os fundos com melhores rentabilidades por categoria:

Rentabilidades do último ano terminado a fevereiro de 2019:

Captura_de_ecra__2019-04-02__a_s_14

Rentabilidades dos últimos 3 anos terminados em fevereiro de 2019:

Captura_de_ecra__2019-04-02__a_s_14

Fonte: APFIPP

Empresas

Notícias relacionadas