Tags: Obrigações | Ações |

Rendibilidade do fundo dos certificados de reforma recua para 8,17%


A rendibilidade do fundos dos certificados de reforma desceu para 8,17%, face aos anteriores 9,05%, de acordo com o folheto informativo referente a Janeiro, divulgado pelo Instituto de Gestão de Fundos.

Após três meses consecutivos a aumentar, o retorno caiu, influenciado pela redução verificada nos títulos de dívida e acções que compõem a carteira.

No caso da dívida OCDE Ex-DP portuguesa –  a mais representativa, com um peso de 61,82% no portefólio -, a rendibilidade dos últimos 12 meses recuou para 10%, de 10,82% no mês anterior. Já na dívida pública portuguesa, a descida foi para 2,25%, face aos anteriores 2,60%, e nas acções o retorno foi de 20,58% face aos anteriores 22,56%.  

A liquidez em carteira aumentou, para cerca de 75 mil euros, correspondendo a um peso de 0,29% (de 0,16% no mês anterior).

O valor de mercado do fundo dos certificados de reforma ascendeu a 25,88 milhões de euros, uma subida comparativamente com o valor de 25,44 milhões verificados no mês anterior.

Notícias relacionadas