Tags: Negócio |

Quanto dinheiro têm as famílias e instituições portuguesas em fundos de investimento?


Dados divulgados pela EFAMA mostram alguns detalhes interessantes acerca da distribuição europeia dos ativos em fundos de investimento. Por um lado, os países com maior propriedade de fundos de investimento são a Alemanha, França, Reino Unido, Holanda e Itália. Sem grande surpresa, os quatro maiores países europeus incluem-se neste grupo, refletindo o tamanho das suas economias e população. A EFAMA comenta que a presença da Holanda no sexto lugar deste ranking resulta da dimensão dos seus fundos de pensões ocupacionais que tendem a deter uma parte significativa das suas carteiras em fundos de investimento.

O Luxemburgo aparece também num nível elevado neste ranking da EFAMA considerando a equivalência, no tratamento dos dados, dos fundos de investimento domésticos a outros tipos de investidores domésticos (fundos de pensões, famílias, companhias de seguros...). Dada a relevância da indústria de fundos no Luxemburgo, os fundos que investem noutros fundos são considerados na estatística e conferem ao país um AuM per capita na ordem dos 1,12 milhões de euros.

Tendo em mente esta limitação na análise dos dados, Portugal surge em 17º lugar com um total de 47 mil milhões de euros em fundos de investimento. Isto representa uns meros 4,6 mil euros por habitante e está distribuído em 24 mil milhões de euros em fundos domésticos e 23 mil milhões de euros em fundos estrangeiros. É uma relação próxima de 50:50 que difere da média europeia de 70% em fundos domésticos.

Captura_de_ecra__2019-07-24__a_s_12

Notícias relacionadas

Anterior 1 2 Siguiente