Tags: Obrigações | Ações |

PSI20 volta a sorrir


O mês mais pequeno do ano trouxe, pela primeira vez em 2017, ganhos para o PSI20. Os dados publicados pelo regulador mostram que em fevereiro o principal índice bolsista nacional valorizou 3,9%, tendo fechado nos 4.647,90 pontos. Em termos homólogos, o PSI20 decresceu cerca de 2,5% no espaço de um ano. No mesmo relatório, que apresenta os "​indicadores mensais do mercado de capitais português", é possível ver que "a volatilidade do índice foi de 11,88%, abaixo dos 13,04% fixados em janeiro e dos 30,19% registados em igual período do ano passado".

Capitalização bolsista a crescer

Relativamente à capitalização bolsista, a Euronext Lisbon fechou o mês de fevereiro com 248.170,2 milhões de euros. Este valor, face ao mês de janeiro, cresceu 4,9%, ou seja, um montante a rondar os 11.550 milhões de euros. Em termos homólogos, o montante cresceu mais de 16% nos últimos doze meses. "O segmento acionista cresceu 6,0% para 131.544,2 milhões de euros, enquanto o segmento obrigacionista aumentou 3,9% para 113.371,6 milhões de euros", revela o regulador. 

No que toca aos títulos de dívida, a CMVM mostra que "o volume transacionado totalizou 7.376,5 milhões de euros em fevereiro, menos 2,1% do que no mês anterior, com as transações sobre Obrigações do Tesouro a subirem 43,1% e sobre Bilhetes do Tesouro a recuarem 25,9%".

Os últimos doze meses no PSI20

Captura_de_ecra__2017-03-2__a_s_15

Fonte: CMVM

Notícias relacionadas

O Mais Lido