Tags: Negócio |

PSI20: novembro termina na mesma toada de outubro


O principal índice acionista nacional encerrou mais um mês em terreno negativo, sendo este já o quarto mês consecutivo de evolução negativa. Segundo os dados revelados pela Comissão do Mercado de Valores Mobiliários, o PSI20 encerrou o mês de novembro nos 4.914,14 pontos, o que representa uma queda de 2,3% face a outubro passado. Em comparação com o período homólogo de 2017, por sua vez, este valor representa um decréscimo de 8,4%.

Captura_de_ecra__2018-12-04__a_s_11

Fonte: CMVM

A volatilidade do índice, por outro lado, contrariou os movimentos registados nos últimos meses, terminando abaixo do registado no mês de outubro: 10,41% em novembro face aos 14,37% registados no décimo mês do ano. Contudo, esta terminou acima dos 8,79% registados em igual período do ano passado.

Captura_de_ecra__2018-12-04__a_s_11

Fonte: CMVM

Capitalização bolsista da Euronext Lisbon com queda homóloga superior a 30% 

Quanto ao valor das transações efectuadas no mercado secundário a contado, o montante fixou-se nos 1.811,6 milhões de euros, valor que representa um decréscimo de 134 milhões face a outubro e de 2.073,7 milhões de euros em comparação com igual período do ano passado. Na Euronext Lisbon, por sua vez, verificou-se uma evolução semelhante, com o volume de transações (que ascendeu a 1.767,7 milhões de euros) a registar uma queda mensal de 6,9% e homóloga de 53,2%.

Captura_de_ecra__2018-12-04__a_s_11

Fonte: CMVM

No que ao MTS Portugal diz respeito, a entidade revela que o volume transacionado sobre títulos de dívida (9.804 milhões de euros) registou uma queda mensal de 25,5%, com as transações sobre Obrigações do Tesouro e Bilhetes do Tesouro a recuarem 11,5% e 41,2%, respetivamente.

Captura_de_ecra__2018-12-04__a_s_11

Fonte: CMVM

A capitalização bolsista da Euronext Lisbon, que totalizou 196.566,6 milhões de euros, voltou a cair, desta feita com menos 1.308,6 milhões de euros face ao mês de outubro; em comparação com igual período do ano passado, a queda é superior a 30%. Os segmentos acionista e obrigacionista registaram movimentos opostos, com o segmento acionista a descer 3,7% para 57.954,3 milhões de euros e o segmento obrigacionista a subir 0,6% para 135.564,8 milhões de euros.

Captura_de_ecra__2018-12-04__a_s_11

Fonte: CMVM

Notícias relacionadas

O Mais Lido