Tags: Obrigações | Ações |

PSI 20 termina semana em queda pressionado por Galp


 

Entre as congéneres da bolsa portuguesa, este foi o quarto dia negativo da semana, desta vez com dados económicos abaixo do esperado na China e com a directora-geral do FMI, Christine Lagarde, a referir que a economia mundial não está a crescer o suficiente para travar o desemprego, a pressionar em baixa. As desvalorizações oscilaram entre 0,62% de Londres e 1,06% de Madrid.

Na NYSE Euronext Lisbon, o índice de referência fechou a perder 0,3% para 5.360,52 pontos, com 10 títulos em queda, seis positivos e quatro a terminaram inalterados face à sessão anterior.

Nas energéticas, a Galp Energia caiu 1,19% para 12,895 euros, sendo um títulos que mais penalizou o índice, tendo a Renováveis ficou estável nos 3,64 euros, a EDP subiu 0,1% para 2,09 euros e a REN avançou 0,4% para 1,999 euros.

Entre os títulos da banca, o BCP valorizou 2,78% para 0,074 euros, o ESFG somou 0,07% para 5,45 euros, tendo o Banif fechado inalterado nos 0,175 euros, e o BES e o BPI a cair 0,6% e 0,24%, respectivamente, para 0,666 euros e 0,838 euros.

Nos títulos da área de TMT,  a Portugal Telecom perdeu 0,81% para 3,812 euros, pressionando o índice em baixa, a Zon Multimédia desceu 0,31% para 2,276 euros, tendo a Sonaecom terminado o dia estável a cotar a 1,364 euros.

O Mais Lido