Tags: Obrigações | Ações |

PSI 20 sobe com banca a recuperar perdas


 

Entre as congéneres da bolsa portuguesa, as subidas oscilaram entre 0,11% de 1,27% de Madrid. A sessão nos mercados europeus foi marcada pela divulgação dos dados relativos ao PIB do primeiro trimestre de 2013, com Alemanha, França, Itália e a economia da Zona Euro com valores abaixo dos estimados pelos economistas, refere José Barroso, da Popular Gestão de Activos. “Apesar dos indicadores terem sido inferiores ao esperado, as bolsas europeias tiveram um comportamento positivo, demonstrando assim, na nossa óptica, que esta evolução díspar face aos valores esperados do PIB está intrinsecamente relacionado com as recentes declarações de Mario Draghi, aquando da redução de taxa de referência, onde referiu que poderiam vir a ser tomadas medidas adicionais para impulsionar a economia, caso esta não apresentasse sinais de melhoria. Estes valores conjugam-se com essa ideia de que serão necessárias medidas adicionais de política monetária.”

Na NYSE Euronext Lisbon, o PSI 20 subiu 0,97% para 6.090,49 pontos, com cinco títulos negativos, 13 positivos e dois inalterados, concretamente a Altri e a Confina, que encerraram a cotar a 1,987 euros e 0,49 euros, respectivamente.

Entre os destaques do dia esteve o sector bancário que valorizou, a recuperar parte das recentes quedas acentuadas, “no dia em que os juros  da dívida portuguesa atingiram os valores de Agosto de 2010”, sublinha José Barroso.

O BES progrediu 4,35% para 0,792 euros, o BCP somou 2,91% para 0,106 euros, o BPI ganhou 2,54% para 1,09 euros e o Banif avançou 1,75% para 0,116 euros.

No sector energético, a Galp Energia terminou o dia com uma subida de 1,5% para 12,495 euros, a REN com um ganho de 0,43% para 2,33 euros, enquanto a EDP recuou 0,61% para 2,599 euros e a EDP Renováveis perdeu 1,7% para 4,05 euros.

Na área de telecomunicações, a Zon caiu 0,29% para 3,49 euros, numa sessão em que a Sonaecom fechou a somar 0,17% para 1,78 euros a Portugal Telecom com uma valorização de 0,14% para 3,584 euros.

O dia de hoje foi também positivo para a Jerónimo Martins, que encerrou em alta de 0,3% para 16,85 euros.

 

O Mais Lido