Tags: Obrigações | Ações |

PSI 20 fecha semana a perder pressionado por EDP e Jerónimo Martins


 

Entre as congéneres da bolsa portuguesa, Madrid foi excepção, ao subir 0,32%, enquanto Paris, Frankfurt e Londres desvalorizaram 0,15%, 0,47% e 0,31%, respectivamente, depois de, nos Estados Unidos, os Republicanos terem decidido cancelar a sua votação sobre impostos mais elevados para os maiores rendimentos, no âmbito da discussão do próximo orçamento.

Na NYSE Euronext Lisbon, o PSI 20 caiu 0,93% para 5.693,22 pontos, após oito sessões consecutivas de ganhos,  com nove títulos negativos e 10 positivos. Entre os títulos que mais penalizaram o índice estiveram a Jerónimo Martins, que recuou 1,85% para 14,58 euros, e a EDP, com uma descida de 1,74% para 2,311 euros, num dia em que a EDP Renováveis caiu 6,41% para 3,872 euros, protagonizando a maior queda da sessão. Ainda entre as energéticas, a Galp desceu 0,25% para 11,845 euros e a REN somou 0,44% para 2,036 euros.

Os títulos da área de tecnologia e telecomunicações terminaram a semana com tendência positiva, com Zon Multimédia em alta de 0,98% para 3,0 euros, Sonaecom a subir 0,39% para 1,548 euros e a Portugal Telecom a valorizar 0,58% para 3,841 euros.

Em sentido contrário evoluiu o sector financeiro, que teve um dia maioritariamente de quedas,  com BPI a perder 1,82% para 0,971 euros, BCP a recuar 1,31% para 0,076 euros, BES em queda de 0,77% para 0,903 euros e o ESFG a ser a excepção e a avançar 0,85% para 5,25 euros.

O Mais Lido