Tags: Obrigações | Ações |

PSI 20 fecha em alta puxado por Galp e Jerónimo Martins


 

Entre as congéneres da bolsa portuguesa, Londres foi a excepção ao avançar 0,33%, enquanto Madrid caiu 0,52%, Paris recuou 0,34% e Frankfurt recuou 0,29%, com os mercados a corrigirem dos ganhos do dia anterior entre receios sobre a eficácia do acordo alcançado nos Estados Unidos.

Na NYSE Euronext Lisbon, o PSI 20 subiu 0,96% para 5.867,87 pontos, com 13 títulos positivos, cinco negativos e dois inalterados,  o BCP e a EDP, que encerraram a cotar a 0,07 euros e 2,35 euros, respectivamente.

Ainda nas energéticas, a Renováveis ganhou 0,27% para 4,06 euros, a REN progrediu 0,09% para 2,11 euros e a Galp Energia somou 1,35% para 12,38 euros, estando entre os títulos que mais contribuíram para a subida do índice. Na mesma situação está a Jerónimo Martins, que valorizou 1,71% para 15,16 euros.

No sector financeiro, o BPI somou 1,11% para 1,001 euros, o BES ganhou 2,21% para 0,97 euros, enquanto ESFG caiu 0,38% para 5,3 euros e Banif deslizou 3,82% para 0,151 euros.

Entre os títulos da área de TMT, a Sonaecom perdeu 0,94% para 1,48 euros, enquanto a Zon Multimédia e a Portugal Telecom encerraram com ganhos de 1,32% e 0,89%, respectivamente.

A maior subida do dia foi protagonizada pela Mota Engil, com uma valorização de 4,32% para 1,69 euros.

O Mais Lido