Tags: Obrigações | Ações |

PSI 20 cai mais de 2% com todos os títulos em queda


 

Entre as congéneres da bolsa portuguesa, as descidas oscilaram entre 1,34% de Londres e 3,20% de Madrid, num dia de grande volatilidade, penalizadas pela indefinição resultante das eleições em Itália e com receios que a dificuldade em formar um governo contribuam para agravar a crise na Zona Euro.

Na NYSE Euronext Lisbon, o PSI 20 caiu 2,49% para 6.010,70 pontos, com todos os títulos em terreno negativo.

Entre as desvalorizações mais acentuadas esteve o sector financeiro, em linha com o que aconteceu no exterior. O BES perdeu 5,87% para 0,93 euros, o BCP desceu 4,42% para 0,108 euros, o BPI recuou 2,9% para 1,274 euros, o Banif deslizou 3,62% para 0,133 euros e o ESFG caiu 1,33% para 5,11 euros.

A Jerónimo Martins também fechou o dia em queda significativa, a desvalorizar 3,1% para 16,105 euros.

Entre os títulos da área de tecnologia e telecomunicações, a Portugal Telecom protagonizou a maior queda da sessão, recuando 2,54% para 3,88 euros, enquanto Sonaecom e Zon Multimédia, desceram 1,76% e 1,86%, respectivamente, para 1,505 euros e 3,421 euros.

Nas energéticas, a Galp Energia encerrou a perder 1,22% para 11,73 euros, a EDP a cair 1,32% para 2,25 euros, a EDP Renováveis a desvalorizar 2,95% para 3,785 euros e a REN com uma queda de 2,53% para 2,31 euros.

 

O Mais Lido