Tags: Obrigações | Ações |

PSI 20 cai com banca entre as maiores descidas


 

Entre as congéneres da bolsa portuguesa, as desvalorizações oscilaram entre 0,26% de Londres e 2,20% de Madrid, com os receios sobre a situação no Chipre e a indefinição sobre o resultado da votação da proposta de ‘bailout’ europeu.

Na NYSE Euronext Lisbon, o PSI 20 recuou 1% para 6.046,84 pontos, com 15 títulos negativos, três positivos e dois inalterados, concretamente a Novabase e a EDP, que fecharam a cotar a 3,0 euros e 2,419 euros, respectivamente.

Ainda entre as energéticas, a EDP Renováveis recuou 0,77% para 4,012 euros, a Galp Energia desceu 0,17% para 12,08 euros e a REN encerrou em alta de 0,48% para 2,293 euros. Em terreno positivo fecharam mais dois títulos, a Semapa e a Mota-Engil, com ganhos de 0,77% e 2,85%, respectivamente, para 7,078 euros e 1,985 euros.

O sector bancário protagonizou das maiores quedas da sessão, tendo BPI deslizado 3,26% para 1,069 euros, BCP recuado 1,87% para 0,105 euros, BES perdido 3,23% para 0,9 euros e Banif caído 2,29% para 0,128 euros.

Na área de tecnologia e telecomunicações, a Portugal Telecom encerrou o dia a perder 1,03% para 4,041 euros, a Sonaecom a descer 2,69% para 1,665 euros e a Zon Multimédia a desvalorizar 2,89% para 3,323 euros.

O dia foi também negativo para a Jerónimo Martins, que fechou em queda ligeira de 0,06% para 15,725 euros.

O Mais Lido