Tags: Negócio | Pensões |

Produção de seguros vida não ligados PPR aumenta 21%


A produção de seguro direto do ramo vida diminuiu 4,4% face ao mesmo período do ano passado, acaba de revelar a Autoridade de Supervisão de Seguros e Fundos de Pensões (ASF), no seu relatório de evolução da atividade seguradora.

A ASF revela que este decréscimo decorre da diminuição verificada nos seguros de vida não ligados, excluindo PPR, que viram o seu peso em carteira diminuir de 44% para 38,6%. No final de junho, estavam alocados a esta rubrica 1.472 milhões de euros. A produção de seguros vida não ligados PPR, por sua vez, aumentou positivamente na ordem dos 21% em termos anuais, revela o regulador, apontando para 1.606 milhões de euros aqui alocados.

Nos seguros vida ligados, por sua vez, a queda também foi substancial no período, nomeadamente de 20% comparativamente com o mesmo período do ano passado. Nesta rubrica estavam alocados 728,3 milhões de euros no final de junho.

Captura_de_ecra__2019-09-17__a_s_15

Fonte: ASF, final de junho 2019