Tags: Fundos mistos |

Panorama dos fundos Allocation na reta final do ano


Os fundos de alocação, depois dos fundos de ações, são a tipologia de produto com retornos mais simpáticos desde que o ano começou, analisando os dados referentes aos fundos mobiliários nacionais disponibilizados pela Morningstar Direct, com data de final de novembro.

O fundo mais rentável dentro da categoria de Allocation é, sem surpresas, um fundo Agressive Allocation, que entrega 19,93% de retorno desde o início do ano: trata-se do Montepio Multi-Gestão Dinâmica, da Montepio GA, que se propõe a aplicar a mais 2/3 do seu património em fundos de investimento de ações nacionais e internacionais.

Ainda assim, a presença de fundos agressive allocation neste top de mais rentáveis da categoria está taco-a-taco com a presença dos fundos que a Morningstar define como moderate allocation:  7 fundos versus 6 fundos, respetivamente.

Fundos Allocation mais rentáveis desde o início do ano (%)

Captura_de_ecra__2019-12-16__a_s_12

Fonte: Morningstar Direct, novembro 

Contudo, o segundo fundo mais rentável desta análise trata-se do Optimize Investimento Activo, produto flexible allocation da Optimize IP, que desde o início de 2019 entrega 19,39% de rentabilidade. No total, são mais três os fundos de alocação flexível presentes no ranking: o Caixa Wealth Arrojado, a cargo da Caixa Gestão de Activos, o Optimize Cap Ref PPR/OICVM Agr e o BPI Global, da BPI GA

Destaque ainda para a presença nesta lista de mais rentáveis de dois fundos cautious allocation, um deles até bem “acima” na tabela: trata-se do Invest AR PPR, a cargo da Invest Gestão de Activos, com 14,41% no período em análise.

Empresas

Notícias relacionadas