Tags: Negócio |

Os países em que as entidades gestoras nacionais registam os seus fundos


A oferta de fundos nacionais é composta, principalmente, por veículos de investimento domiciliados em Portugal e orientados para o mercado local. Contudo, existem entidades gestoras que optam pela internacionalização da sua oferta, numa tentativa de chegar a um maior leque de investidores de distintas geografias.

Com dados disponíveis na Morningstar Direct, à data de 24 de novembro, quando foram compilados estes dados, 23 fundos de gestão ou marcas nacionais encontravam-se registados para venda em países que não o nosso. Todos eles domiciliados no Luxemburgo, os fundos em questão mostravam principalmente registo na vizinha Espanha (18/23), além de Portugal (21/23) sendo residuais as restantes geografias de registo. É o caso dos fundos do universo GNB GA domiciliados no Luxemburgo e do Incometric Dunas Patrimonio, da Dunas Capital

Encontramos alguns fundos da BPI GIF (Caixabank AM/BPI GA) registados em França, na Alemanha e Reino Unido, em adição a Portugal, Luxemburgo e Espanha, enquanto que no caso da Atrium Investimentos, apenas o fundo Sextant da casa de investimento nacional adiciona um registo mais, além dos três mais comuns: a Coreia do Sul

O EuroBIC Obrigações Globais, distribuído pelo EuroBIC, tem registo efetuado na Suíça conjuntamente com o Luxemburgo e Portugal, enquanto que, dos fundos do Haitong Bank, dois estão disponíveis em Portugal e Luxemburgo, e um apenas no Luxemburgo. 

 

Captura_de_ecra__2019-11-25__a_s_15

Empresas

Notícias relacionadas

Próximos eventos