Tags: Negócio |

Os onze fundos com subscrições líquidas acima dos 10 milhões de euros no primeiro trimestre


Terminado o primeiro trimestre de 2018, é tempo de fazermos uma análise ao panorama do saldo entre subscrições e resgates dos fundos nacionais, naqueles que foram três meses bastante atribulados para os mercados. Numa primeira análise verificamos que os fundos do mercado monetário e de obrigações são as categorias em destaque, uma vez que quatro dos cinco produtos com melhor saldo entre subscrições e resgates pertencem a estas categorias. Por outro lado, a categoria de fundos multiativos também surge com alguns produtos nesta lista. A Caixagest, por sua vez, é a entidade que maior número de fundos apresenta. 

Assim, acima dos 50 milhões de euros de volume de subscrições líquidas encontramos apenas dois veículos de investimento. Aquele que maior volume de subscrições líquidas apresenta nos primeiros três meses do ano é o Caixagest Liquidez, com 108,17 milhões de euros. O fundo do mercado monetário da responsabilidade da Caixagest registou um início de ano positivo, tendo registado um saldo de subscrições líquidas de cerca de 67,04 milhões de euros, 37,07 milhões de euros e 4,05 milhões de euros em janeiro, fevereiro e março, respetivamente. Segue-se o IMGA Euro Taxa Variável, este que foi o fundo que melhor saldo de subscrições líquidas obteve no mês de março. Classificado com o selo Blockbuster Funds People, o veículo de investimento gerido por Duarte José apresenta um volume de subscrições líquidas de 57,6 milhões de euros no primeiro trimestre deste ano.

Com um volume de subscrições líquidas de cerca de 28,8 milhões de euros encontramos o fundo de obrigações de muito curto prazo da responsabilidade da Popular Gestão de Activos, o Popular Tesouraria. Acima dos 20 milhões de euros em subscrições líquidas durante o primeiro trimestre deste ano surgem mais dois produtos, ambos classificados como Blockbuster Funds People: o Caixagest Obrigações Mais e o IMGA Alocação Conservadora. Enquanto que o fundo da Caixagest apresenta um saldo entre subscrições e resgates de 27,1 milhões de euros, o produto da responsabilidade da IM Gestão de Ativos apresenta um volume de subscrições líquidas de cerca de 22,8 milhões de euros.

Os fundos com subscrições líquidas acima dos 10 milhões de euros no primeiro trimestre

Captura_de_ecra__2018-04-17__a_s_16

Fonte: Morningstar Direct, março de 2018

Profissionais
Empresas

Notícias relacionadas

Próximos eventos