Os fundos que mais cresceram por via de captações no último ano


O topo da lista dos fundos de gestão nacional (em Portugal ou no Luxemburgo) inclui alguns dos fundos que melhor se têm comportado nas diversas métricas de rentabilidade ao longo do último ano. Apesar de a lista ser liderada por um fundo de gestão de liquidez da IMGA, o IMGA Liquidez, os seguintes três fundos mobiliários nacionais que mais captaram em relação aos ativos com que terminaram os nove primeiros meses de 2018 são também alguns dos fundos que lideram em análises de rentabilidade. Falamos do do NB PPR/OICVM, da sob a alçada de Paulo Joaquim, do NB Obrigações Europa, gerido por Vasco Teles, e o NB Capital, gerido por Manuel Aguiar. Os três fundos fazem parte da oferta da GNB Gestão de Ativos.

Estes fundos mostram respetivamente captações na ordem dos 122%, 116% e 113% dos ativos que mantinham no final de setembro de 2019. Basicamente, os quatro primeiros fundos da lista mais que duplicaram os seus ativos por via das captações. 

Confira abaixo a lista completa dos fundos cujas captações a 12 meses superam os 20% dos ativos com que começaram o período em análise. 

Captura_de_ecra__2019-10-31__a_s_15

Profissionais
Empresas

Notícias relacionadas

Anterior 1 2 Siguiente

Próximos eventos