Os fundos obrigacionistas que mais captaram em maio


O mês de maio foi caracterizado por captações modestas para os fundos de obrigações. Contudo, oito produtos conseguiram atrair mais de um milhão de euros. O fundo que mais captou no mês de maio foi o fundo Caixagest Obrigações Mais, a alcançar uma quantia de 6,48 milhões de euros. Lançado em 1993, o fundo possui um total de 253 milhões de euros de ativos sob gestão. É classificado com o selo Blockbuster pela Funds People.

O IMGA Euro Taxa Variável foi o segundo fundo obrigacionista que mais captou, atingindo um valor líquido de 4,30 milhões de euros. Gerido por Ana Aguiar e co gerido por Aitor Zubeldia, tem um património de 212 milhões de euros e é classificado com o selo Blockbuster pela Funds People.

Passando para o fundo de obrigações NB Capital Plus, este foi o terceiro que mais captou em maio a somar um montante de 2,44 milhões de euros. Possuindo um património de 63 milhões de euros, é gerido por Amit Maugi. É ainda classificado com o selo Consistente pela Funds People.

Para concluir, o quarto fundo obrigacionista que mais captou em maio, a apresentar um valor líquido de 2,20 milhões de euros, foi o Santander Multicrédito. Gerido por Carmen Borondo, este produto tem um valor de ativos sob gestão de 237 milhões de euros, de acordo com a sua última ficha disponível. É classificado, ainda, com o selo Blockbuster pela Funds People.

Fundos de obrigações com saldo de subscrições líquidas superior a um milhão de euros

Captura_de_ecra__2018-06-26__a_s_16

Fonte: Morningstar Direct, maio de 2018

Profissionais

Notícias relacionadas

Anterior 1 2 3 Siguiente