Tags: Obrigações | Europa |

Os fundos fixed income em destaque à entrada do final de 2017


O final do ano é, geralmente, tempo de reflexão e de análise daquilo que decorreu ao longo do último exercício. Dito isto, olhemos para o desempenho dos fundos fixed income nacionais nos primeiros 11 meses do ano, elaborando um panorama dos produtos que mais se destacam em reta de final de ano.

No mesmo período de 2016, o produto mais rentável desta categoria era o BPI Alto Rendimento Alto Risco, cuja rentabilidade no período em questão era de 8,50%. De facto, o produto gerido pela BPI Gestão de Activos acabou por terminar o ano de 2016 na posição de mais rentável da sua categoria. Como estará, assim, o panorama dos fundos fixed income nacionais nos últimos 11 meses deste ano?

De acordo com os dados disponíveis na plataforma Morningstar Direct, o produto que apresenta um maior avanço para ficar em posição de destaque no balanço deste ano pertence à GNB Gestão de Ativos. Trata-se do NB Obrigações Europa, um fundo gerido por Vasco Teles e cuja rentabilidade até novembro deste ano se fixou nos 8,20%.  Este apresenta um volume de ativos sob gestão ascende a 40,8 milhões de euros e a sua carteira é maioritariamente composta por obrigações soberanas, sendo que o maior ativo em carteira são Bilhetes do Tesouro Italiano.

Imediatamente a seguir encontramos um outro produto da responsabilidade da GNB Gestão de Ativos, desta feita gerido por João Zorro. A cargo do gestor está o NB Rendimento Plus, que no período em análise obteve uma rentabilidade de 5,67%. O património gerido por este produto ascende a cerca de 29 milhões de euros e as obrigações corporativas surgem como a classe de ativos mais representativa em carteira.

O Caixagest Oportunidades é o terceiro produto em destaque, com uma rentabilidade de 5,14% nos primeiros 11 meses do ano. Gerido pela Caixagest, este detém um volume de ativos sob gestão superior a 20 milhões e uma carteira cujas maiores posições em carteira são de empresas europeias, como a Ren, Galp Energia ou Brisa. Não obstante, as obrigações governamentais também fazem parte da carteira do fundo.

Fundos fixed income com rentabilidade superior a 1% nos primeiros 11 meses do ano

Captura_de_ecra__2017-12-13__a_s_17

Fonte: Morningstar Direct, 30 de novembro 

Profissionais
Empresas

Notícias relacionadas

O Mais Lido