Tags: Emergentes | Latam |

Obrigações continuam a ser a categoria com maior património líquido no mercado brasileiro


A alocação histórica em activos da categoria de obrigações ainda se mantém com forte destaque no mercado Brasil. No total estão 743,5 milhões de reais alocados a esta categoria de investimento ANBIMA. Por segmento de investidor, é o poder público que tem maior peso com 124 milhões de reais investidos. Seguem-se as entidades fechadas de previdência complementar com 116,3 milhões de reais e o segmento mais alto do retalho com 88,7 milhões de reais.

A segunda categoria com maior património líquido é a dos fundos multimercados que tem vindo a ser alvo da preferência dos investidores que procuram alternativas ao cenário de baixas taxa de juro e que optam pela diversificação do risco nas suas carteiras. O património sob gestão nesta categoria ascende aos 472,4 milhões de reais, sendo o segmento de ‘private banking’ o que mais investe na mesma (163,5 milhões de reais) seguido do ‘corporate’ com 87 milhões de reais.

Por último, os fundos de previdência têm um património líquido de 298,5 milhões de reais, sendo precisamente as entidades abertas de previdência complementar o segmento de investidor com maior volume investido (290,7 milhões de reais).

Notícias relacionadas

O Mais Lido