Tags: Negócio | Ações |

O ano de 2016 na bolsa nacional


O ano de 2016 foi complicado para o principal índice bolsista nacional. Depois de ter crescido mais de 10% em 2015, no ano passado o PSI20 decresceu quase 12%, tendo fechado o ano nos 4.679,2 pontos, segundo mostra a CMVM. Já, por exemplo, o MSCI Portugal apresenta uma valorização positiva em 2016, na ordem dos 3,45%. Veja a evolução do PSI20, no gráfico seguinte, ao longo do ano passado.

PSI20

De acordo com a Associação Portuguesa de Fundos de Investimento, Pensões e Patrimónios - APFIPP, são seis os fundos de casas nacionais que investem no PSI20. Todos eles apresentam rendibilidades negativas ao longo de 2016, embora alguns com melhores resultados do que o próprio índice.

De todos os fundos de ações que investem no mercado português, aquele que apresenta melhor resultado ao longo de 2016 é o Banif Acções Portugal. Sob alçada da Banif Gestão de Ativos, o fundo apresenta uma evolução negativa de -6,06%. Com menos de 3 milhões de euros em ativos sob gestão, o fundo tem como principais cotadas em carteira a Altri, a Sonae SGPS e ainda a EDP Renováveis, além de um futuro sobre o índice.

Ainda na casa dos -6% surge o fundo da Caixagest, no caso o Caixagest Acções Portugal. Com mais de 29 milhões de euros em património e uma rendibilidade de -6,83%, este fundo da maior casa de investimentos nacional tem como principais posições em carteira as cotadas Navigator, EDP Renováveis e ainda a Galp Energia. Tem ainda, tal como o fundo da Banif Gestão de Activos, um futuro sobre o PSI-20.

Com perdas menores que 10% surge mais um fundo. Trata-se do Santander Acções Portugal da responsabilidade da Santander Asset Management. Em 2016 registou uma rendibilidade de -7,62% e conta com mais de 74 milhões de euros em património. Este fundo era gerido por Diogo Pimentel até ao último trimestre do ano, quando este profissional passou a integrar os quadros da Magallanes Value Investors. Após a saída de Diogo Pimentel, este fundo passou a ser gerido por Maria Dolores Solana.

Profissionais
Empresas