Nordea 1 - Global Stable Equity Fund: Performance absoluta e seleção de ações bottom-up


A entidade gestora Nordea Asset Management disponibilizou a seguinte informação acerca do fundo Nordea 1 - Global Stable Equity Fund, classificado com o selo Blockbuster pela Funds People:

Nordea 1 - Global Stable Equity Fund 

Breve descrição do fundo

A filosofia do Global Stable Equity está fundamentada na observação simples mas poderosa de que as empresas que implementam o seu capital cautelosamente e que aumentam os seus negócios de forma conservadora deverão entregar resultados comparativamente estáveis durante o longo prazo. Consequentemente, as ações de empresas estáveis deverão oferecer melhores retornos ajustados ao risco em comparação com os seus peers no mercado de ações. Baseado nesta crença fundamental, o processo de investimento explora a dita anomalia de baixo risco além de acrescentar valor através de seleção de ações dentro de um universo de ações de baixo risco.

O nosso processo identifica empresas que operam em linhas de negócios estabelecidas, gerando rendimentos relativamente baixos, dividendos, fluxos de caixa, etc., de forma contínua. Um nível mais elevado de estabilidade nestas medidas fundamentais ajuda a atenuar a volatilidade do preço das ações das tais empresas, tornando-as menos arriscadas do que o mercado. Várias métricas de valorização também são tidas em consideração, como por exemplo uma valorização elevada, que pode ser um fator de risco adicional.

Principais diferenças face a produtos semelhantes no mercado

O fundo difere dos fundos mais normais de ações globais em várias formas, incluindo os seguintes fatores importantes:

  • A abordagem de investimento é concebida para não beneficiar da anomalia de baixo risco como também para acrescentar valor através de uma seleção de ações que melhorem os retornos futuros
  • O fundo não tem um benchmark oficial
  • O processo de investimento foca-se na performance absoluta em vez da relativa, e baseia-se na seleção de ações bottom-up
  • A composição da carteira resultante e as características essenciais da carteira podem mudar significativamente

Objetivos de investimento

O objetivo de investimento do fundo é investir em empresas globalmente estáveis e que tenham uma outperformance do mercado durante um ciclo de mercado completo com aproximadamente dois terços da volatilidade do MSCI World Index.

Abordagem de investimento

O processo de investimento foca-se na performance absoluta em vez da relativa, e baseia-se na seleção de ações bottom-up.

Restrições de investimento

Os gestores de carteiras responsáveis não têm de aderir formalmente a restrições de carteiras específicas em termos de, por exemplo, alocação a países e setores. Contudo, devido à natureza da estratégia de investimento o fundo tende a ter um bias relativamente a países desenvolvidos e setores defensivos.

Benchmark e tracking error

O fundo é agnóstico no que toca ao benchmark. À medida que o processo se foca no risco absoluto, o processo de monitorização do risco identifica apenas o risco de nível de ações – não sublinha a importância na gestão do risco relativo do benchmark (tracking risk).

Número de títulos e rotatividade

A média histórica do número de títulos desde a origem do fundo é de 91 ações.

A rotatividade1 dos últimos 4 anos é:

2017:     45.86%

2016:     24.93%

2015:     23.90%

2014:     50.41%

Política de risco

A Nordea Asset Management tem procedimentos de Gestão de Risco. No entanto, a política da Nordea é a de não revelar estas informações.

Na Nordea, o cumprimento da matriz de investimento e da gestão de risco é considerado como parte fundamental da direção do negócio. Assim, a Nordea Asset Management construiu uma plataforma sólida onde o risco é medido e monitorizado a três níveis diferentes:

g

NIM AB: Nordea Investment Management AB

NIM AG: Nordea Investment Management AG

NIM NAI: Nordea Investment Management North America, Inc.

NAM: Nordea Asset Management

1º nivel: equipas de investimento (tanto boutiques internas como externas) são responsáveis por supervisionar e monitorizar o risco dentro dos seus próprios portfolios, tal como a adesão a limites à exposição, processo e matrizes de mandato. As boutiques internas são apoiadas pela equipa de Análise de Performance e Risco que realiza uma análise de performance e risco independente e exaustiva de forma regular.

2º nível: a Nordea Investment Management Middle Office Risk Management está a seguir a adesão a restrições aplicáveis, limites e fronteiras relacionadas com risco ao nível do fundo diariamente. Eles asseguram que possíveis lacunas são detetadas, intensificadas, e, se necessário, são postas em prática ações corretivas de imediato. Assim, o Nordea Middle Office controla limites de risco externos e internos (tal como a exposição global, VaR, Risco de liquidez, exposição de contraparte) e desempenha um back test e testes de stress. Todos os controlos são desempenhados e questões possíveis identificadas são devidamente reportadas ao terceiro nível de controlo.

3º nível: o terceiro nível de controlo é assegurado pela função da Gestão de Risco que trata de rever e avaliar os relatórios recebidos e o contributo das funções de controlo precedentes. O terceiro nível também é responsável pelo seguimento de um agravamento imediato das partes acima mencionadas, assegurando um processo de correção adequado temporário, se necessário.

Política de liquidez

Tal como mencionado acima, o risco de liquidez da carteira da Nordea Asset Management é medido pelo NIM AB Middle Office Risco Management (2º nível de contrlo). O processo de gestão da liquidez de risco da NAM encontra-se detalhado no seguinte documento: http://www.nordea.lu/sitemod/upload/root/z-temp/staticlinks/internal-liquidity-monitoring-process.pdf

Cobertura cambial

O fundo usa forwards cambiais para fins de cobertura FX.

Uso de derivados

Neste fundo, pelo menos 90% da exposição cambial da carteira será coberta contra o câmbio base do fundo.

 

[1] Please refer to the appendix for the Portfolio Turnover Rate principles.

Empresas

Notícias relacionadas

O Mais Lido