Tags: Pensões |

Multireforma Ações é o fundo de pensões aberto com melhor rendibilidade no último ano


Depois de analisadas as rendibilidades dos fundos PPR, é altura de olhar para os fundos de pensões abertos e perceber quais se destacaram no último ano e nos últimos cinco anos, tal como averiguar o volume sob gestão desses mesmos fundos. De acordo com a Associação Portuguesa de Fundos de Investimento, Pensões e Património (APFIPP), no primeiro período, o Multireforma Ações, fundo gerido pela GNB Gestão de Ativos, assume a liderança, com 11.8% de rendibilidade e um volume sob gestão de 9.8 milhões de euros, sendo também o único da lista a assumir o nível 4 de risco (todos os outros estão no nível 3).

Esta estratégia investe maioritariamente no setor do consumo cíclico (17,62%), industrial (15,33%) e consumo não cíclico (14,85%), com foco nas ações. Pedro Barata, gestor do fundo, refere na ficha mensal de janeiro que “as expectativas para 2018 são grandes e com os dados que temos atualmente somos levados a pensar que poderemos assistir a mais um ano positivo para o mercado acionista”.

O fundo com a segunda melhor rendibilidade no último ano é o Futuro XXI, com 10.3%. Gerido pela Futuro, detinha a 31 de janeiro deste ano 1,2 milhões de euros sob gestão, investindo maioritariamente em títulos de rendimento fixo. Muito próximo em termos de rendibilidade está o BPI Acções – 10.2%. O fundo gerido pela BPI Vida e Pensões tem uma carteira composta em mais de metade por ações, sendo o produto com mais valor sob gestão deste top 5 – 77.1 milhões. As últimas duas posições desta ranking são ocupadas pelo Horizonte Acções, gerido pela Ocidental Pensões e com uma rendibilidade de 9.6%, tendo sob gestão 16 milhões de euros; e o VIVA, gerido pela Futuro, com 8.3% de rendibilidade e 39.6 milhões sob gestão.

Confira abaixo a lista das melhores rendibilidades do último ano nos fundos de pensões abertos:

x

Fonte: APFIPP, 31 de janeiro de 2018

Cenário nos últimos cinco anos

No que diz respeito às rendibilidades obtidas nos últimos cinco anos, outros fundos surgem entre aqueles que melhores resultados atingiram. Em primeiro lugar está o Optimize Capital Pensões Acções, o fundo gerido pela Real Vida Seguros e que obteve uma rendibilidade de 6%. Com um volume sob gestão de 1.5 milhões de euros e um nível 4 de risco, este fundo é comercializado conjuntamente com outros três fundos de pensões, entre eles o Optimize Capital Pensões Equilibrado, que se encontra no quinto lugar desta lista, com 5% de rendibilidade e 1.3 milhões de volume sob gestão, assumindo o mesmo nível de risco.

O Horizonte Acções registou também, a cinco anos, uma das melhores rendibilidades – 5.8% – neste caso com um nível 4 de risco. Muito próximo está o Aberto Protecção 2020, um fundo gerido pela BBVA Fundos e que, neste período, registou 5.5% de rendibilidade, com nível 3 de risco. Trata-se de um fundo que investe unicamente em dívida pública e que gere 23.9 milhões de euros, o valor mais elevado deste top 5. O Multireforma Acções surge também na lista das melhores rendibilidades dos últimos cinco anos, sendo que neste caso registou 5.4%, com um nível de risco 5.

Confira abaixo a lista das melhores rendibilidades dos últimos cinco anos nos fundos de pensões abertos:

x

Fonte: APFIPP, 31 de janeiro de 2018

Profissionais
Empresas

Notícias relacionadas

O Mais Lido