Tags: Negócio |

Fundos mobiliários: BPI Gestão de Activos é agora a gestora com maior volume de ativos


Troca de cadeiras naquele que foi um mês positivo para a indústria de fundos mobiliários nacional. O primeiro e segundo lugar inverteram-se na ordem das maiores entidades do segmento, com a BPI Gestão de Activos a ultrapassar a Caixagest. De acordo com o relatório mensal de março da APFIPP, a agora líder da tabela gere 3.491,6 milhões de euros e tem uma quota de mercado de 30,3%, o que corresponde a um aumento de 4,2% desde fevereiro, e 14,3% quando comparado com o início do ano. Já a Caixagest tem um volume de ativos sob gestão de 3.434,4 milhões de euros e um peso de 29,8% no mercado. Em terceiro lugar surge a IM Gestão de Ativos, com 1.664,7 milhões de euros sob gestão e uma quota de 14,4%.

Bankinter Gestão de Ativos tem o maior crescimento percentual

Se no mês passado foi a BPI Gestão de Activos que teve um maior crescimento absoluto, - tanto a nível mensal, como desde o início do ano - em termos percentuais destaca-se a Bankinter Gestão de Ativos. Em março cresceu 15% (8,7 milhões de euros) e desde o início do ano aumentou 64,7%, o que corresponde a 26 milhões de euros.

Destaques nas subscrições

Nas subscrições foi mais uma vitória para a BPI Gestão de Activos. A entidade registou o maior saldo de subscrições menos resgates, revela o documento da APFIPP, com 131,5 milhões de euros de entradas líquidas, seguida pela Santander Asset Management, com 19,4 milhões de euros, e pela Bankinter Gestão de Ativos, com 8,7 milhões de euros.

Desde o arranque de 2017, as entidades que se destacam são as mesmas que em março. A BPI Gestão de Activos totalizou 415,2 milhões de euros em subscrições, seguida pela Santander Asset Management, com 77,9 milhões, e pela Bankinter Gestão de Ativos, com 25,7 milhões de euros. 

Recorde-se que só no passado mês de março, a BPI Gestão de Activos conseguiu colocar no ranking de maiores captações líquidas três fundos, que conjuntamente registaram entradas líquidas 20 milhões de euros.  

Veja na tabela abaixo as dez maiores entidades no mês de março. 

entidadesmar_o

Dados: APFIPP, março 2017
Empresas

Notícias relacionadas

Anterior 1 2 Siguiente

O Mais Lido