Tags: Negócio |

Maio: um mês ‘calmo’ no PSI-20


O mês passado foi mais calmo quando comparado com os meses anteriores. Segundo os dados publicados pela CMVM, a volatilidade no PSI-20 em maio foi de 12,03%, o que configura o valor mais baixo de 2016. Apesar desta descida, no acumulado dos primeiros cinco meses de 2016, a volatilidade é de 22,9%, mais alta do que os 19,81% registada no mesmo período do ano passado.

A tendência de descida foi, também, sentida na valorização do PSI-20. Os dados do regulador mostram que a bolsa nacional fechou o mês passado nos 4.957,85 pontos, menos 1,9% do que no final de abril. Em termos homólogos, a bolsa nacional apresenta uma descida de 15%.

ETF’s e UPs pelo mesmo caminho

Também as transações de Unidades de Participação (UPs) e de ETFs sofreu um revés no mês de maio. Em ambos os casos, o mês de maio trouxe descidas nos valores transacionados, quando comparado com o mês de abril. Nas UPs a descida foi de 42% para um valor total de 3,6 milhões de euros. Já no ETFs esse decréscimo foi de 45% para os 0,3 milhões de euros.

Nos valores acumulados de 2016 a tendência de queda também se verifica, em termos homólogos. Como se vê na tabela seguinte, o valor acumulado em UPs é menor em 42% face aos primeiros cinco meses do ano passado. Nos ETFs essa descida é de 97,5%.

Captura_de_ecra__2016-06-2__a_s_12

Notícias relacionadas

O Mais Lido