Tags: Negócio |

Invest Gestão de Activos cresce mais de 7% em janeiro


O panorama das entidades gestoras nacionais no final do mês de janeiro apresenta-se bastante positivo. Foi um mês que se traduziu em captações líquidas positivas para a maioria das sociedades gestoras associadas da APFIPP, embora tenha sido também um mês que terminou com o início de um dos períodos de maior volatilidade dos últimos dois anos.

Neste sentido, considerando a fotografia a 31 de janeiro, os três primeiros lugares do ranking por património mantêm-se inalterados, com a líder, a Caixagest, a beneficiar de um mês especialmente positivo. Os AuM cresceram 2,7% face ao final do ano que se traduz numa valorização das carteiras e 89 milhões de euros de captações líquidas, posicionando também a entidade como a que mais captou no mês em termos absolutos.

Entidades gestoras e quota de mercado

Captura_de_ecra__2018-02-26__a_s_17

Fonte: APFIPP

As que mais cresceram

As entidades gestoras que mais cresceram em janeiro não fazem parte das quatro ‘gigantes’ do mercado nacional. Em termos relativos é a Invest Gestão de Activos que lidera a corrida no mês, com um crescimento de 7,3%, ajudados por captações líquidas na ordem dos 1,8 milhões de euros. Seguem-se a GNB Gestão de Ativos, com 4,5% e a Popular Gestão de Activos, com 4%. Esta última consolida a sua posição à frente da Montepio Gestão de Activos, entidade que viu o seu património recuar 1,5% no mês, em virtude de um saldo de captações líquidas negativo, na ordem dos 3,9 milhões de euros.

Captações líquidas de janeiro por entidade gestora

Captura_de_ecra__2018-02-26__a_s_17

Fonte: APFIPP
Empresas

Notícias relacionadas

O Mais Lido