Insula Capital com nova estrutura acionista


A PNI Portugal, SA, detida pelo investidor suíço Claude Alain Berda, adquiriu 30% do capital e dos direitos de voto da Insula Capital-Sociedade gestora de fundos de investimento imobiliário, detidos pela Fibeira, SGPS.

Segundo o referido em comunicado, “Florence Ricou [atual presidente do conselho de administração] manteve os 69,89% que já detinha na Insula Capital e que foram adquiridos, no início de 2019”.

Atualmente a Insula Capital tem uma carteira de ativos sob gestão que se cifra em 120 milhões de euros, gerindo três organismos de investimento colectivo (OIC): o Capital Real I e o Foz do Tejo, ambos fundos de investimento imobiliário fechados, e a Mexto Property Investment I, sociedade de investimento imobiliário de capital fixo.

Florence Ricou, presidente do conselho de administração da Insula Capital, refere em comunicado: “Atualmente a Insula Capital tem ativos sob gestão a rondar os 120 milhões de euros mas vamos aumentar significativamente este montante, nos próximos dois anos, beneficiando precisamente da solidez da nova estrutura de capital da empresa”, refere Florence Ricou.

A Insula Capital tem sob gestão, desde abril de 2019, o fundo Foz do Tejo (anteriormente Invesfundo V) detido pela Vanguard Properties.

Notícias relacionadas

O Mais Lido