Iniciativas solidárias para ajudar quem mais precisa


Os impactos socioeconómicos relacionados com as medidas contra a propagação da pandemia de Coronavírus são inegáveis, principalmente para os espectros mais vulneráveis da sociedade. O número de pessoas que procuram ajuda não para de aumentar, mas, infelizmente, muitas atividades solidárias e instituições foram canceladas ou encerradas temporariamente o que só contribui ainda mais para que estas pessoas fiquem numa situação ainda mais frágil. Hoje mostramos-lhe duas formas de ajudar quem mais precisa.

Banco Alimentar e FLAD

A Fundação Luso-Americana para o Desenvolvimento (FLAD) juntou-se ao Banco Alimentar Contra a Fome doou 350 mil euros à Rede de Emergência Alimentar. Além disso, para tentar fazer face ao número crescente de número de pessoas que procuram a ajuda para por comida na mesa a FLAD lançou o desafio a todos para que se juntem a esta iniciativa. Aqui pode contribuir para esta causa.

Revista CAIS

Em 25 anos de vida, pela primeira vez a Revista CAIS não foi para as ruas de forma a proteger não só os vendedores como também os leitores. Assim sendo, e também pela primeira vez, a Revista CAIS foi disponibilizada online e de forma gratuita. Contudo, a venda da revista é uma fonte fundamental de sustento para os vendedores, já que recebem 70% do seu valor. Uma vez que nesta altura não é possível, a CAIS apela a que os ajudem a apoiar os vendedores através de um donativo para a Associação CAIS. Aqui pode ler a revista e contribuir para esta iniciativa.

Notícias relacionadas

Anterior 1 2 Siguiente