Tags: Negócio |

Incerteza castiga e volatilidade está de volta


Mercados norte-americanos encerraram Agosto com o pior mês desde Maio de 2012, iminência de um conflito na Síria, incertezas sobre a futura actuação do FED e sobre quem será o seu próximo Chairman aliadas a aproximação do tecto da dívida colocaram pressão negativa no mês que findou.

Os mercados emergentes não fugiram aos ventos adversos e afundaram para mínimos de 7 semanas perdendo nesse período $1 trilão em valor. Índia, Indonésia, Tailândia e Filipinas viram os investidores estrangeiros retirarem $2.4 mil milhões com receios que o FED vai reduzir o programa de estímulos.  No Brasil o Banco Central tem vindo a aumentar a taxa de juro com o intuito de controlar a inflação o que tem aumentado a apreensão sobre o crescimento económico na maior economia da América latina.

O índice VIX que mede a volatilidade no S&P500 encerrou o mês em máximos do ano o que deixa antever uma reentré financeira atribulada, após um período de férias relativamente calmo e com pouco volume como é habitual.

Em termos de notícias destaco:

a)  Fundo de pensões japonês, o maior gestor de fundos pensionistas do mundo teve a menor rentabilidade em três trimestres com a maior perda de sempre em obrigações domésticas.

b)  CEO da L`Oreal afirma que a empresa em 2014 estará em condições de adquirir a participação da Nestle na empresa de cosméticos, um negócio avaliado em 22 mil milhões de euros.

c)  Verizon aceita adquirir a participação da Vodafone na Verizon Wireless por $130 mil milhões, o maior negócio da década.

d)  Suiça e Estados Unidos chegam a acordo no litígio que envolvia ambas as partes relativo à investigação americana da utilização de offshores por parte de cidadãos nacionais.

e)  Departamento do Tesouro americano indica que o limite da dívida do pais vai ser atingido em meados de Outubro colocando pressão nos políticos para a resolução do problema

Nas matérias-primas o Ouro está numa fase técnica importantíssima depois de ter efectuado um Harami (gráfico) no time-frame mensal, o mesmo padrão que deu ínicio a uma valorização de 140% de 2008 a 2011, mas mais importante está com o indicador stochastic em valor sobre-vendido o que já não acontecia desde 2001. Ambas as situações indicam uma elevada possibilidade de continuação da valorização do metal precioso que se iniciou em Julho