Tags: Negócio | Movimentos |

Fusões e aquisições movimentaram 22,6 mil milhões em 2018


O volume de fusões e aquisições no mercado transacional português somaram 22,6 mil milhões de euros em 2018 o que representa um crescimento de 70,1% face ao mesmo período do ano anterior. Estes dados estão disponíveis no Relatório Trimestral do Transactional Track Record (TTR), que registou 350 operações em Portugal no ano, uma ligeira descida de 2,2% face a 2017. Dessas operações 90 pertencem ao setor imobiliário, seguido pelos setores da Tecnologia e de Financeiro e Seguros. Dos 101 novos negócios registados no último trimestre do ano, 46 revelaram um valor total de 5,7 mil milhões de euros, valor que demonstra um crescimento de 41% face ao período homólogo do ano anterior.

setores

Cross-border

Relativamente às operações cross-border, o mercado português contabilizou 160 operações inbound, nas quais empresas portuguesas foram adquiridas por empresas estrangeiras. Destas operações, 49 foram investimentos de empresas com sede em Espanha, totalizando 2,3 mil milhões de euros aportados pelos espanhóis em território português.

Em seguida, destacam-se os investimentos de empresas sediadas no Reino Unido e nos Estados Unidos. A turbulência causada pelo Brexit não afetou o interesse britânico pelos negócios portugueses que revelaram mais de 1,6 mil milhões de euros investidos no país em 25 transações. As empresas norte-americanas não ficaram muito atrás e realizaram 23 operações em território português no ano, crescimentos de 21% em comparação ao ano anterior, num total de 1,3 mil milhões de euros recebidos.

No que diz respeito ao outbound, foram efectuadas 49 aquisições por empresas portuguesas no mercado externo. A tecnologia também foi a atração principal dos investimentos de empresas portuguesas no mercado externo, particularmente em Espanha e nos Estados Unidos.

inbound_e_outbound

Notícias relacionadas