Tags: Emergentes | Latam |

Fundos multimercado em oposição aos fundos de obrigações em Setembro


A conjuntura levou investidores a aplicarem capital em instrumentos de dívida e outros que beneficiavam do cenário de baixas taxas de juro. Apesar disso, no mês de Setembro, a captação líquida nos fundos de obrigações foi negativa de 5.684 mil reais comparando com os fundos multimercado onde este valor ascende aos 4.411 mil reais.

Nas restantes categorias da ANBIMA registaram captações líquidas negativas os fundos de curto prazo (-1.890 mil reais), fundos referenciados DI (2.428 mil reais) e os fundos mercado cambial (-48.860 mil reais). A categoria de fundos dívida externa tem uma captação líquida positiva de 4.885 mil reais, os fundos de acções registam uma entrada de cerca 303 mil reais, os de previdência superam os 1.500 mil reais, os exclusivos fechados tiveram uma entrada de 113 mil reais, os fundos de investimento em direitos creditórios (FIDC) com mais de 1.900 mil reais e, por último, as participações com 1.003 mil reais em captação líquida no mês de Setembro.

 

Notícias relacionadas