Tags: Pensões |

Fundos de pensões portugueses positivos até Abril


 

 

Os fundos de pensões portugueses tiveram uma rendibilidade positiva em Abril e no acumulado dos primeiros quatro meses deste ano, de acordo com a nota mensal divulgada pela Mercer.

A rendibilidade mediana estimada foi de 1,6% no mês passado, beneficiando do desempenho positivo tanto do mercado de obrigações, a maior componente destes fundos, como do de acções.

Em Abril, os mercados accionistas “obtiveram uma performance positiva devido à melhoria nos mercados de trabalho e imobiliário nos EUA, aos resultados apresentados pelas empresas e à expectativa de redução da taxa de juro pelo BCE”, refere Rui Guerra, ‘partner’ da consultora. Referindo-se ao desempenho do mercado de obrigações salienta que para tal “tem contribuído a perspectiva de manutenção da política monetária expansionista na Europa e nos EUA, e a descida das ‘yields’ dos países da periferia da Europa em todas as maturidades”.

De acordo com a nota da Mercer, a rendibilidade mediana estimada em Abril foi de 1,6% na componente de obrigações e de 2,5% na de acções. Desde início deste ano, a rendibilidade estimada dos fundos de pensões portugueses situa-se em 2,5%, segundo dados da mesma fonte.

Notícias relacionadas